Amargo, como o café, era seu nome. O pai desejava que o filho, o segundo de cinco, se chamasse Camargo, mas o datilógrafo do cartório errou e saiu Amargo. Amargo da Silva. 7 de maio de 1951.

Com seu cigarro barato e fajuto, passava os dias a proteger-se do sol, esgueirando-se nas sombras das garagens do estacionamento cujo era responsável. Catorze primaveras. Até sua cor, amarronzada, refletia seu espírito. Seu rosto franzido, sua expressão retraída, retirada, seus lábios em posição de lamento. Amargo, como o gosto da rúcula da salada de cada dia.

A relação passatempo-Amargo era pesquisar jornais velhos. Sentir o papel corroído, corrompido em seus dedos era comparável a um gol. Ou a uma queda do cavalo, seu aparelho favorito na Ginástica Olímpica. A familia de Amargo era composta por seu pai, sua mãe e seus outros quatro irmãos. Vigia, costureira, carniceiro, auxiliar de escritório, operadora noturna de conveniência  e barman.

Mas, fazendo inda a ave escura sorrir a minha amargura,
Sentei-me defronte dela, do alvo busto e meus umbrais;
E, enterrado na cadeira, pensei de muita maneira
Que qu’ria esta ave agoureia dos maus tempos ancestrais,
Esta ave negra e agoureira dos maus tempos ancestrais,

Com aquele “Nunca mais”.

Num lugar qualquer, onde encontravam-se sentados mulher, homem e criança, aleatórios, ele logo pensava que aquele calmo trio não passava na verdade de uma tentativa de combinar quanto sairia para a mundana desvirginar o menino. A camisa branca, o óculos de aros negros. Respirava o ar amargo dos escapadores dos carros.

Este era Amargo. Amargo da Silva.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s